Os duendes de estatísticas do WordPress.com prepararam um relatório para o ano de 2012 deste blog.

Aqui está um resumo:

19,000 people fit into the new Barclays Center to see Jay-Z perform. This blog was viewed about 120.000 times in 2012. If it were a concert at the Barclays Center, it would take about 6 sold-out performances for that many people to see it.

Clique aqui para ver o relatório completo

Passo Firme – 31.12.2012
Curta e compartilhe a página do Blog Passo Firme no Facebook!

Anúncios

feliz-ano-novo2 (1)

Para você ganhar belíssimo Ano Novo
cor do arco-íris, ou da cor da sua paz,
Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido
(mal vivido talvez ou sem sentido)
para você ganhar um ano
não apenas pintado de novo, remendado às carreiras,
mas novo nas sementinhas do vir-a-ser;
novo até no coração das coisas menos percebidas
(a começar pelo seu interior)
novo, espontâneo, que de tão perfeito nem se nota,
mas com ele se come, se passeia,
se ama, se compreende, se trabalha,
você não precisa beber champanha ou qualquer outra birita,
não precisa expedir nem receber mensagens
(planta recebe mensagens? passa telegramas?)

Não precisa
fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.
Não precisa chorar arrependido
pelas besteiras consumadas
nem parvamente acreditar
que por decreto de esperança
a partir de janeiro as coisas mudem
e seja tudo claridade, recompensa,
justiça entre os homens e as nações,
liberdade com cheiro e gosto de pão matinal,
direitos respeitados, começando
pelo direito augusto de viver.

Para ganhar um Ano Novo
que mereça este nome,
você, meu caro, tem de merecê-lo,
tem de fazê-lo novo, eu sei que não é fácil,
mas tente, experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
cochila e espera desde sempre.

Carlos Drummond de Andrade

Estes são os sinceros votos do Blog Passo Firme para o 2013 que se inicia!

Desejo a todos um ano novo muito abençoado, com muita paz, muito amor e Deus no coração sempre!

Passo Firme – 30.12.2012
Curta e compartilhe a página do Blog Passo Firme no Facebook!

festas

Por que, afinal, é tão difícil beber com moderação, principalmente nesta temporada de festas de fim de ano? Para não ser “o inconveniente” ou “a garota dançando em cima da mesa” – afinal, ninguém quer isso, não é mesmo? – confira abaixo algumas dicas do site Hype Science para aumentar sua tolerância ao álcool e não se tornar o bêbado idiota da festa de fim de ano.

dica 1 - coma bem

DICA 1: COMA BEM

Comer é absolutamente essencial. Beber com o estômago vazio é uma receita para o desastre e um erro de principiante. Se não puder comer antes de sair de casa, leve um lanche ou coma onde estiver bebendo.

Como o conteúdo de álcool no sangue é afetado pelo conteúdo gástrico, tente comer algo mais substancial se for beber. Proteínas e gorduras demoram mais tempo para serem digeridas, assim ficarão em você por mais tempo e continuarão a lhe ajudar a não ver o mundo rodando. Se estiver em um coquetel, coma um canapé sempre que puder.

dica 2 - escolha sabiamente

DICA 2: ESCOLHA SABIAMENTE

O teor de álcool é fundamental para determinar quão bêbado você pode ficar, mas há outros fatores que você deve considerar ao escolher o que beber. Vinho tinto e destilados escuros como uísque geralmente contêm produtos químicos que podem lhe dar dor de cabeça e bagunçar seu senso de inibição depois de apenas uma ou duas horas. Cada pessoa reage a bebidas de forma diferente, de modo que você pode fazer alguns testes e ver como elas lhe afetam antes de beber descontroladamente em uma festa de fim de ano.

Além disso, evite bebidas açucaradas. Elas aumentam seus níveis de açúcar no sangue, levando-o a um pico de energia, seguido de cansaço e/ou dores de cabeça muito antes de a festa acabar. Além disso, elas lhe enchem e deixam menos espaço para consumir coisas melhores.

dica 3 - beba água

DICA 3: BEBA ÁGUA

O álcool é um diurético, o que significa que você vai fazer xixi para caramba, o que, por sua vez, pode levar à desidratação. Isso vai lhe causar uma bela ressaca. Além disso, um cérebro desidratado não funciona bem, o que irá agravar a sua sensação de embriaguez.

Lembre-se: a água é sua melhor amiga. Não refrigerantes ou outras bebidas não alcoólicas, água. O melhor é tomar um copo de água para cada bebida alcoólica que você consome. É difícil? Sim. Você vai fazer mais xixi ainda? Sim. Porém, você continuará pensando como uma pessoa sã e não como um bêbado atordoado.

dica 4 - descanse

DICA 4: DESCANSE ANTES DE BEBER

Você já reparou que, quando está cansado, uma bebida pode lhe acertar como se fosse três? Há fatores que contribuem para esse efeito. Para começar, quando estamos cansados, é mais difícil pensar claramente. Os sintomas do cansaço podem se manifestar de forma semelhante à embriaguez. Adicionar álcool real à equação só amplifica esse efeito.

Mais além, de acordo com a Universidade de Rochester (EUA), fadiga geral ou cansaço pode conduzir a um conteúdo de álcool no sangue mais elevado do que o normal, já que o fígado é menos eficiente no processamento e/ou eliminação de álcool quando o nível geral de energia é baixo. Depois, como o álcool é um depressor natural, consumir álcool quando cansado pode aumentar seu nível de cansaço e ampliar seus efeitos tradicionais. Embriaguez e cansaço = um bêbado chato e possivelmente incontrolável.

dica 5 - vitamine-se

DICA 5: VITAMINE-SE

Quando você está bebendo demais, você não só perde água, mas também alguns nutrientes importantes. A falta desses nutrientes pode levar a sintomas de ressaca enquanto você ainda está na festa, diminuindo drasticamente suas habilidades de beber (e suas habilidades sociais).

Vitaminas B são uma das primeiras coisas que o álcool chuta para fora de seu corpo. Você também vai precisar de alguns eletrólitos. Escolher algum suplemento natural – como os sucos energéticos, por exemplo – que contenha os dois e tomar antes da ou durante a festa pode lhe ajudar.

dica 6 - cafeína

DICA 6: ESQUEÇA A CAFEÍNA

Tomar café ou energético, ou outras bebidas com cafeína, não vão necessariamente lhe dar mais vitalidade ou tolerância. Embora seja verdade que a cafeína irá mantê-lo mais “acordado”, não vai mantê-lo mais sóbrio. Na verdade, isso lhe leva a artificialmente pensar que sim, o que por sua vez pode lhe levar a beber muito mais, mais rápido, gerando experiências horríveis para você.

Você também vai estar mais bêbado do que você pensa que está, portanto mais propenso a fazer algo estúpido. Além disso, a cafeína também é diurética, como o álcool, e vai desidratá-lo ainda mais e aumentar suas chances de passar mal.

dica 7 - tolerância

DICA 7: CONSIDERE SUA TOLERÂNCIA

Bebedores experientes geralmente aguentam beber mais. O álcool é uma toxina, e os nossos corpos se adaptam a metabolizar e lidar com ela. Esse tipo de adaptação leva tempo e repetição. Quanto mais tolerante estamos à toxina, mais lentamente nossos corpos tentam quebrá-la e, assim, mais lenta ela é absorvida na nossa corrente sanguínea. Esta taxa de absorção varia consideravelmente entre os indivíduos; experientes bebedores do sexo masculino, com massa corporal elevada, podem processar até 30 gramas (38 ml) por hora, mas um número mais típico é 10 gramas (12.7 ml) por hora.

Sendo assim, se você geralmente não bebe, melhor não querer beber demais no fim do ano. Não interessa quão bem hidratado ou alimentado você esteja, beber muito ainda vai provavelmente lhe cair mal. Outra opção é “treinar seu corpo” para ser tolerante, bebendo mais no período antes da festa para se acostumar com o álcool. Claro que você deve considerar as consequências disso. Alguns estudos dizem que o consumo moderado de álcool faz bem para a saúde, mas com certeza todos apontam que o consumo exagerado faz exatamente o contrário.

dica 8 - confraternizações

DICA 8: NÃO SEJA BESTA

Se você está tentando ser a “vida da festa” e não o “bêbado detestável”, por favor, raciocine. Por exemplo, não entre em algum tipo de competição de bebidas alcoólicas com seus colegas de trabalho ou parentes; essa é obviamente uma situação em que todos só têm a perder. Use sua cabeça, vá devagar, se divirta, e então volte para casa em um táxi. Essa receita deve garantir que você seja convidado para muitas outras festas nos próximos anos.

Consideradas estas dicas, boas festas!

Fonte: Hype Science

Leia também:

Dicas para manter a saúde nas festas de final de ano

Passo Firme – 29.12.2012
Curta e compartilhe a página do Blog Passo Firme no Facebook!

Nick Newell, lutador sem a mão e parte do antebraço esquerdos, está invicto no MMA

Nick Newell, lutador sem a mão e parte do antebraço esquerdos, está invicto no MMA

Presidente do Ultimate Fighting Championship (UFC) se diz “cauteloso sobre ida do atleta amputado Nick Newell ao Ultimate, mesmo com oito vitórias em oito lutas

Nick Newell (foto) chocou o mundo em 2012, mantendo sua série invicta no MMA mesmo tendo de superar uma amputação congênita que fez com que ele não tenha uma mão e parte de um dos braços. O norte-americano superou a deficiência e conquistou em dezembro seu primeiro cinturão no XFC (Xtreme Fighting Championship) – uma organização similar ao UFC que organiza os combates de MMA e tem cinturão próprio –, lutando contra outro atleta que não possui nenhuma deficiência física. Mesmo assim, o presidente do UFC, Dana White (foto abaixo), ainda é cauteloso em falar sobre as chances de ele ser contratado pela organização no futuro.

Dana-WhiteNewell já afirmou – em entrevista ao UOL Esporte – que seu sonho é lutar no Ultimate. Mas, se depender de Dana White, o cinturão peso leve do XFC não garante que ele está pronto para duelar com os melhores do planeta. “Talvez, não sei”, disse Dana White, em tom desconfiado. “Há caras que trazemos que são considerados ótimos para o (reality show) The Ultimate Fighter e que não vão bem. Lutar com os dois braços já é complicado, e nós estamos no topo do MMA”, disse.

Apesar de não ter parte do braço, Newell mostra grande agilidade nas lutas, tem poder de nocaute e ainda coleciona vitórias por finalização (veja no vídeo abaixo a última luta dele). “Lutar com um braço é algo maluco para mim. Eu nem sei bem o que dizer sobre isso, é algo doido”, afirmou Dana White, que vê também um problema legal para isso. “Talvez em outros estados seja mais fácil, temos de ver se estados realmente grandes, como Califórnia e Nevada o deixariam competir.”

OPINIÃO – Com oito vitórias em oito combates, é bastante provável que o americano Nick Newell venha a fazer história. Sim, ele pode! O atleta de MMA afirmou que seu principal objetivo na carreira é se tornar o lutador número um do planeta. Fato é que ele já é o melhor do mundo, diante das limitações físicas que enfrenta. Se não ainda reconhecidamente por ser um “Anderson Silva” da vida, repleto dos luxos, fama e campanhas de publicidade, mas pela garra, vontade e amor demonstrados ao esporte.

opiniaoO que nos podemos aprender do Newell é que a verdadeira vitória não vem de superamos apenas os nossos adversários, mas de conseguimos superar nossas próprias limitações nessa batalha chamada vida. E você, o que acha das afirmações do presidente do UFC? Tal prudência é necessária ou reflete preconceito com as pessoas com deficiência? Deixe sua opinião.

Com informações: UOL Esportes

Leia também:

Lutador com amputação congênita vai disputar o primeiro título da carreira
Atleta com amputação congênita pede chance no UFC

Passo Firme – 28.12.2012
Curta e compartilhe a página do Blog Passo Firme no Facebook!

alexandre padilhaPara reduzir a carência de profissionais que produzem órteses e próteses, principalmente nas regiões Norte e Nordeste, o Ministério da Saúde fez uma parceria com a Associação de Assistência à Criança Deficiente (AACD) que prevê a liberação de R$ 348 mil para a capacitação de mais de 200 pessoas para atuar nesse trabalho. O convênio foi assinado no último dia 21 pelo ministro Alexandre Padilha (foto), no Hospital Abreu Sodré, em São Paulo.

“Queremos capacitar mais de 200 profissionais em órteses e próteses aqui na oficina da AACD em São Paulo e, com isso, ter lá no interior e nas capitais do Nordeste profissionais capacitados para fazer órteses e próteses”, disse o ministro, após visitar a sede da associação em São Paulo.

Segundo Regina Helena Scripilliti Velloso, presidenta voluntária do Conselho de Administração da AACD, a assinatura do convênio deve ajudar a suprir a falta de mão de obra de ortesistas e protesistas do país. “Por meio desse convênio, a AACD vai disponibilizar sua estrutura e seu conhecimento e vai capacitar entre 200 e 300 pessoas para as oficinas ortopédicas do Nordeste”, explicou.

Além da parceria, outros dois convênios foram assinados na tarde de hoje (21) entre o Ministério da Saúde e a AACD. Um se refere a recursos para ajudar a AACD a ter novos equipamentos para cuidar de crianças, sobretudo na parte de reabilitação, com investimento de R$ 500 mil. Outra parceria apoia a associação no desenvolvimento de um novo aparelho para reabilitação física.

“A AACD desenvolveu, ao longo do último ano, um equipamento utilizado para reabilitação de pacientes que tiveram isquemia, derrame cerebral e de crianças com paralisia cerebral. O Ministério da Saúde tem todo o interesse em ter dados mais detalhados da recuperação das pessoas utilizando esse equipamento para incorporarmos seu uso a outras unidades do Sistema Único de Saúde”, disse o ministro.

As iniciativas fazem parte do Programa Viver sem Limite, criado em novembro do ano passado e que prevê a ampliação do acesso e a qualificação do atendimento às pessoas com deficiência permanente ou temporária no Sistema Único de Saúde (SUS), entre outras ações.

Fonte: Agência Brasil de Notícias

Passo Firme – 26.12.2012
Curta e compartilhe a página do Blog Passo Firme no Facebook!

Jenny (à direita) diz que a sua filha (à esquerda) se adaptou incrivelmente bem após seu encontro com a morte de dois anos atrás

Jenny (à direita) diz que a sua filha (à esquerda) se adaptou incrivelmente bem após seu encontro com a morte de dois anos atrás

Leia abaixo outra linda história de superação da valente Charlotte, uma garotinha tetra-amputada vítima de meningite em sua mais letal que recebeu próteses de ponta de doador anônimo em tempo para o Natal

Uma menina de cinco anos de idade, que perdeu os quatro membros do corpo em função de uma grave meningite contraída há dois anos está agora de pé depois de receber um presente de Natal muito especial. Charlotte Nott (foto) quase morreu em dezembro de 2010 depois de ter sido atingida pela forma mais mortal do vírus, mas graças à solidariedade de um doador anônimo, pode agora andar em conforto com um par de pernas mecânicas cor-de-rosa brilhantes.

“Eles são tão confortáveis que ela agora pode andar corretamente pela primeira vez desde as amputações”, afirmou a mãe de Charlotte, Jenny Daniels, ao falar da felicidade da filha ao jornal britânico Daily Mail. “Não há como pará-la agora. É fantástico!”, exclamou.

Jenny e parceiro Alex Nott se preparavam para partir para férias em família pré-natal em Lanzarote, na Espanha, quando Charlotte desenvolveu septicemia meningocócica, também chamada meningococcemia, quando as bactérias infectam de forma generalizada a corrente sanguínea e causa a chamada “septicemia” (presença de bactérias no sangue). Jenny notou as marcas roxas diga-conto que identificam a infecção mortal no peito de Charlotte e chamou os paramédicos. Charlotte foi levada para o Hospital John Radcliffe, em Oxford, e em questão de horas sofreu falência múltipla de órgãos.

Estado de Charlotte durante sua batalha de vida ou morte com a meningite

Estado de Charlotte durante sua batalha de vida ou morte com a meningite

Os médicos lutaram para impedir a propagação da doença, mas depois de cinco dias os dedos das mãos e pés necrosaram, devido a uma gangrena provocada pela septicemia. Os quatros membros do corpo (braços e pernas) foram removidos em janeiro de 2011. “Eu apenas sentei em sua cama no hospital, acariciava seus cabelos, e dizia a ela: ‘Mamãe te ama’, ‘papai te ama’, ‘George te ama’ diversas vezes. Se ela ia morrer eu queria que morresse sabendo o quanto ela era amada e adorada por todos da família”, conta Jenny.

Para Jenny Daniels, que trabalha como administradora de uma editora de livros, assistir sua filha decorando a árvore de Natal este ano foi uma das maiores emoções de vida e o melhor presente de fim de ano. “Tivemos um Natal maravilhoso”, disse ela, com lágrimas aos olhos.

Charlotte (à esquerda) conheceu a nova amiguinha Ellie Challis (direita), que também perdeu seus membros devido a meningite, em março de 2011. Aqui Ellie mostra uma de suas pernas protéticas à Charlotte.

Charlotte (à esquerda) conheceu a nova amiguinha Ellie Challis (direita), que também perdeu seus membros devido a meningite, em março de 2011. Aqui Ellie mostra uma de suas pernas protéticas à Charlotte.

SUPERAÇÃO – Felizmente, Charlotte sobreviveu. Os médicos conseguiram salvar seus joelhos e cotovelos e, em pouco tempo, a jovem determinada aprendia a desenhar com a boca e rastejar para chegar em casa. Um fator determinante para a recuperação de Charlotte foi ter conhecido Ellie Challis (na foto acima de roupa listrada), outra menina tetra-amputada que havia perdido os membros devido a meningite quando ainda era apenas um bebê.

Charlotte chegou a usar próteses em junho do ano passado, mas teve dificuldades para se adaptar. As novas pernas são bem mais modernas e foram confeccionadas pela Dorset Orhopaedic, uma clínica de reabilitação do Reino Unido.

Meningite

A DOENÇA – A meningite meningocócica e a meningococcemia são infecções raras, porém graves, causadas pela bactéria Neisseria meningitidis, também chamada meningococo. A meningite meningocócica é uma infecção das meninges (revestimento do cérebro e da medula espinhal), e a meningococcemia é uma infecção generalizada. Ambas infecções são consideradas emergências médicas.

Além de causar doenças, o meningococo é encontrado (sem causar doença) no nariz e na garganta de 10% a 25% da população. Quem carrega a bactéria nessas regiões é chamado “portador assintomático”. A maioria dos portadores não adoece, mas pode transmitir essa infecção potencialmente fatal a outras pessoas através de secreções respiratórias, da saliva expelida ao tossir e espirrar, ou outras formas de contato próximo.

Leia mas sobre a emocionante história de Charlotte Nott aqui.

Leia também:

“Não foi brinquedo, mas um baita presente de Natal”

Via Daily Mail (Com informações do site Meningitis.Com)

Passo Firme – 25.12.2012
Curta e compartilhe a página do Blog Passo Firme no Facebook!

Rio Woolf - 1

Rio salta de alegria depois que ele recebe a surpresa de presente de Natal

Garotinho de quatro anos no Reino Unido ganha prótese de corrida como presente de Natal graças à intervenção de ídolo paralímpico e doação de clínica especializada

Um garotinho de quatro anos no Reino Unido correrá pela primeira vez com seus amiguinhos graças a um inesperado presente entregue a tempo para o Natal. Rio Woolf (foto), que é amputado da perna direita, foi equipado com uma nova prótese que lhe possibilita correr, uma das atividades prediletas de garotos na mesma idade. Segundo noticiou o jornal britânico Daily Mail, Rio perdeu a perna aos 14 meses de idade devido a uma anomalia congênita rara conhecida como “Aplasia Tibial”, que geralmente deforma joelho, tíbia e articulação do tornozelo, sendo indicada a amputação.

Mesmo sem as novas próteses, o pequeno Rio Woolf nunca desistiu do sonho de correr, mesmo que a atividade representasse um grande esforço com a prótese antiga, que era completamente rígida, pesada e sem qualquer articulação. Após assistir aos Jogos Paralímpicos de Londres e ver seu ídolo Jonnie Peacock (na foto abaixo), também amputado, faturar a medalha de ouro nos 100m T44 do atletismo masculino, ele pediu a seus pais como presente de Natal uma nova prótese que lhe proporcionasse o mesmo feito.

Rio Woolf - 3

Rio se inspirou para começar a correr depois de conhecer seu heroi paralímpico, o corredor britânico Jonnie Peacock

Após conhecer a história de superação do garoto ao ver um vídeo de corrida de Rio na internet, o paratleta britânico Jonnie Peacock se ofereceu para ajudar, colocando os pais do garoto, Juliette e Trevor, em contato com especialistas de uma renomada clínica de reabilitação do Reino Unido. A lâmina – um modelo Flex-Rum Júnior, da Ossür – foi confeccionada de graça para o corredor aspirante pela Dorset Orthopaedic, em Ringwood, Hampshire, que poderá agora saltar, correr e jogar com seus amiguinhos.

Segundo informações do Daily Mail, a prótese custa £ 4.000 no Reino Unido (o equivalente a R$ 13,4 mil), é feita a partir de uma lâmina em fibra de carbono – mesmo material das próteses usadas por paratletas – e pesa pouco mais de 1,6 quilo. “É um sonho tornado realidade para o Rio e é o presente de Natal perfeito”, afirmou a mãe do garoto, Juliette Woolf, acrescentando que o menino não conseguia parar de saltar para cima e para baixo desde que o equipamento fora montado. “Ele ficou tão encantando ao observar aquelas pessoas correndo nas Paraolimpíadas com suas ‘pernas especiais’ e agora ele pode fazer a mesma coisa”, relatou.

Rio com seu orgulho pais Juliette e Trevor. Eles agora estão juntando dinheiro para caber-lo com novas pernas à medida que cresce

Rio com os pais orgulhosos Juliette e Trevor. Eles agora estão juntando dinheiro para os futuros encaixes que serão necessários à medida que o garoto cresce

De acordo com o diretor da Dorset Orthopaedic, Bob Watts, a prótese confeccionada para o Rio é 150g mais leve do que as pernas convencionais. “Por ser feita de fibra de carbono, que é um material muito leve, as molas devolvem ao usuário até 95% da energia colocada sobre o equipamento durante a corrida”, explicou. A lâmina tem garantia para durar pelo menos um ano, mas como uma criança cresce, a substituição do encaixe deverá ocorrer após seis a nove meses de uso.

“Meu marido e eu estamos incrivelmente gratos a todos que deram ao Rio esta incrível oportunidade”, afirmou a mãe do garoto que, juntamente com o marido, tem agora a missão de angariar fundos para levantar dinheiro para que o Rio possa continuar usando a lâmina doada, pois como ele precisará de novos encaixes à medida em que for crescendo, eles terão de arcar por conta própria com os custos dessa manutenção.

Fonte: Blog Passo Firme / Via Daily Mail

Passo Firme – 24.12.2012
Curta e compartilhe a página do Blog Passo Firme no Facebook!